Blog

Como Fazer o Kettlebell Swing: Instruções, dicas e Benefícios.






Como Fazer o Kettlebell Swing: Instruções, dicas e Benefícios.

Estamos iniciando o programa de treinamento #BEEXPLOSIVE e nele trabalharemos exercícios para melhorar a sua performance em força e velocidade, consequentemente melhorando a POTÊNCIA nos movimentos.


Nesta semana aprendemos a técnica para o Kettebell Swing. Segue algumas instruções, dicas e benefícios deste exercício.



Como fazer o Kettlebell Swing


russian_kettlebell_swing.jpg


Ache um Kettlebell com peso em que você se sinta confiante e o coloque entre os seus pés, que devem estar posicionados em linhas paralelas aos ombros. Mantenha seus ombros flexionados e seu peito levantado - posição de confiança. Agora agache para pegar o kettlebell com as duas mãos, as palmas da mão devem estar viradas para você. Suba segurando o kettlebell entre suas pernas, e mantenha os ombros contraídos.


Agora dobre um pouco seus joelhos e empine a bunda, quase como se você fosse saltar e em um movimento de explosão balance o kettlebell até a altura do peito com seus braços esticados, lembre-se que a força neste movimento deve vir de suas pernas e não de seus ombros/braços. Durante todo o movimento mantenha o abdomem contraído e postura alinhada.


Controle o kettlebell na descida, mantenha o peso de seu corpo sobre os calcanhares e abra levemente suas pernas para que o kettlebell faça o Swing. Repita este movimento para cada repetição.


Lembre-se de deixar seu ego para outro momento, inicie com um peso leve e pratique bastante a técnica antes de acrescentar mais carga.


Existem várias versões deste mesmo exercício. A descrita aqui é a do Russian Kettlebell Swing, que difere da versão americana em que o kettlebell é levado até acima da cabeça.


Beneficios do Kettlebell Swing


Exercícios com movimentos explosivos como este são excelentes para a queima de gordura, especialmente se você contrair o abdomem e glúteos o máximo possível. Também irá trabalhar a sua postura e fortalecimento da região do Core.


Vale a pena tentar, não acha?!


Este artigo foi inicialmente escrito pela Men`s Fitness Magazine.




Leia também